28/02/2010

GAUCHÃO'10: O Grêmio é campeão da Taça Fernando Carvalho


Um momento emocionante a ser lembrado na história do Tricolor, não o fato de conquistar um turno do Gauchão, mas sim o de ver Fernando Carvalho, grande ídolo colorado, entregando o troféu de campeão para os gremistas. Agora é momento de comemorar mais uma taça no memorial do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense.

Com a vitória teremos mais tempo para nos dedicarmos ao pentacampeonato da Copa do Brasil, onde somos os grandes favoritos, o resultado nos garante na final e, se conquistarmos o segundo turno também, seremos campeões antecipados. Ainda temos três jogos pelo estadual antes de seguir à competição nacional, Avenida, Porto Alegre e Inter-SM, praticamente 9 pontos garantidos.


Primeiro tempo

A final começou dura, nos minutos iniciais muita violência, principalmente por parte dos visitantes. Com um numero grande de faltas, o jogo só teria modificação na bola parada, o Grêmio tentou, assim como o Novo Hamburgo, mas chances mesmo foi uma, um gol de Borges anulado, depois disso somente no meio da primeira etapa.
Foto: Diego Vara
Aos 20 minutos, de tanto tentar o Imortal fez. O gol em uma cobrança de falta foi marcado pelo mais odiado jogador da equipe, Ferdinando. O ex-jogador do Avaí não se fez de rogado e pediu para Hugo, que sofreu a falta, para bater, com a afirmativa mandou forte direto para o gol. Aberto o placar no Olímpico Monumental, as vaias se tornaram aplausos, pena que não é sempre assim.

O Nóia tentava o ataque, mas, assim como o Tricolor, não encontrava espaços para finalizar. Nem escanteios nem faltas, somente uma bola foi contra o gol rival, para boa defesa do goleiro gremista Victor. Do nosso lado uma baixa, Borges sofreu lesão muscular e teve de ser substituído.


Foto: Diego Vara
No restante Victor não teve muito trabalho, continuava a sina anilada tentando furar o bloqueio gremista e o problema tricolor tentando passar pela muralha hamburguense e ampliar a vantagem. No fim, acabou os 45 minutos iniciais sem mais bola na rede.


Segundo tempo

No retorno do intervalo os visitantes adotaram outra postura, antes muito defensivo, o Novo Hamburgo resolveu pressionar os tricolores, principalmente em jogadas com Rodrigo Mendes, destaque do clube na temporada.

Foto: Diego Vara
Em uma das melhores chances do Anilado, Rodrigo Mendes, mandou a bola sobre o gremista Maurício, a bola desviou e foi para o gol do Imortal, Victor, bem posicionado, tirou a bola com os pés, grande defesa. Gustavo Papa também se destacou, mas não conseguiu buscar o empate.

O adversário jogava sozinho, no lado gremista muita retranca, Silas mudou o time na segunda etapa, reforçando o meio campo e a defesa, enquanto o técnico anilado Gilmar Iser investiu na ofensividade, no fim das contas o Novo Hamburgo não conseguiu o tão sonhado primeiro turno e, assim como 2009 (início da nova fórmula), o titulo ficou com a capital.


Foto: Diego Vara
Na hora da entrega da Taça, o ex-presidente campeão do Mundo pelo Internacional deu aos gremistas o primeiro título de 2010. A cara não estava das melhores, como Koff em 2009, mas recebemos de braços mais do que abertos essa grande gentileza.


FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 x 0 NOVO HAMBURGO
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 28 de fevereiro de 2009, domingo
Árbitro: Carlos Simon (Fifa)
Assistentes: Autemir Huasemann (Fifa) e Paulo Conceição
Público: 34.313
Cartões amarelos: Maurício, Ferdinando, Fábio Rochemback e Fábio Santos (Grêmio ); Cláudio Luiz e Édson Borges (Novo Hamburgo)
Gol: Ferdinando, aos 20 minutos do primeiro tempo;
GRÊMIO: Victor; Mário Fernandes, Rafael Marques, Maurício e Fábio Santos ; Ferdinando, Fábio Rochemback, Hugo e Douglas (Adilson); Borges (William) e Jonas (Maylson)
Técnico: Silas
NOVO HAMBURGO: Juninho; Micael (Rodrigo Mendes), Cláudio Luiz e Édson Borges; Chicão (Michel), Émerson, Márcio Hahn, Preto (Maiquel) e Paulinho; Edimar e Gustavo Papa
Técnico: Gilmar Iser


Resultado/Próximo jogo

A vitória na Taça Fernando Carvalho habilita o Grêmio a final do estadual, mesmo se não conquistarmos a Taça Fábio Koff, se coparmos na segunda também, seremos automaticamente Campeão Gaúcho de 2010, sem necessidade de jogar outros dois jogos.

Nossa próxima partida é dia 03 de março no estádio dos Eucaliptos em Santa Cruz do Sul. O jogo será contra a equipe do Avenida.




Vídeo:

0 comentários:

Postar um comentário

Web Page Traffic Counters

Visitantes desde 26/11/2011