28/03/2011

GAUCHÃO'11: Voltando a ser Grêmio



Depois de um começo de ano conturbado parece que o Grêmio está começando a se encontrar em busca da excelência de 2010. Claro que é Gauchão, não é parâmetro, mas não vencer no estadual é sinal de que a coisa está feia mesmo, ganhar não é mais do que a obrigação.

Nesse domingo o jogo contra o Pelotas começou a aumentar o nível de dificuldade das partidas do Tricolor. Primeiro um jogo facílimo contra o Porto Alegre, depois o mesmo contra o Inter-SM, um jogo mediano contra Pelotas e Juventude para enfrentar uma equipe de Libertadores, o Junior, logo depois.


Primeiro tempo

O Grêmio entrou em campo desligado, enquanto errava passes e demasia o Pelotas aproveitava todas as jogadas com muita determinação. Apesar da diferença entre a vontade dos gremistas e a dos áureo-cerúleos, a qualidade técnica se manifestava.


Foto: Wesley Santos/Press Digital/Divulgação
As bolas não chegavam em Borges, talvez porque não tem a VELOCIDADE de um ATACANTE, que é o que precisamos CONTRATAR. Erros e mais erros faziam com que boas jogadas dos tricolores servissem apenas de contra-ataques liderados principalmente por Makelele, que foi o nome do Lobo na partida.

Com mais vontade, foi o Pelotas que chegou primeiro com perigo. Aos 20 minutos Sandro Sotilli recebeu na área gremista e, de cabeça, mandou pra fora. Logo depois Makelele mandou uma bomba contra o gol de Grohe, foi quase.


Foto: Wesley Santos/Press Digital/Divulgação
No meio do primeiro tempo Douglas conseguiu um escanteio para o Imortal. A cada cobrança a defesa pelotense proporcionava outra jogando a bola pela linha de fundo. Em uma delas a chance clara do Grêmio marcar com Rodolfo que cabeceou certo, mas o goleiro adversário fez grande defesa.

Aos 38 minutos Bruno Collaço mandou uma perto do gol do Pelotas, pouco depois Escudero mandou mais uma de cabeça, outra defesa do goleiro áureo-cerúleo. Fim do primeiro tempo que começou com Pelotas e acabou com Grêmio.


Segundo tempo

O técnico Renato não gostou nada do que viu em campo. Um time sem vontade e errando muito, principalmente com Douglas. Na volta saiu Escudero, mais uma vez com dores (esse jogador parece que só fica do departamento médico, Tchê!) e entrou o possível craque Leandro.


Foto: Wesley Santos/Press Digital/Divulgação
Mal começou a segunda etapa e o Grêmio já abria o placar. Aos 8 minutos Rodolfo cobrou uma falta na cabeça de Magrão que mandou direto para as redes. Um minuto depois Sandro Sotilli recebeu dentro da área e empatou a partida.

Demorou um pouco para o Grêmio reagir, principalmente porque o meio continuava errando bastante. Apesar da falta de vontade de alguns o mais novo craque do Olímpico entrou novamente com vontade. Aos 27 minutos, Leandro mandou um chute contra o gol do Pelotas, quase marcou o segundo do Grêmio.


Foto: Wesley Santos/Press Digital/Divulgação
Aos 28 minutos, Rodolfo recebeu bola aérea e mandou de cabeça para marcar o segundo do Imortal. Mesmo com o gol a tranquilidade foi deixada de lado, já que o Pelotas brigava de igual para igual e obrigou Portaluppi a proteger mais o time. Apesar de menos ofensivo era o Imortal que mais ameaçava, principalmente porque o Pelotas cansou no final. Aos 45 minutos deu tempo de Rafa Marques fazer o terceiro do Grêmio após cobrança de falta de Lúcio. Fecha a conta e passa a régua.


Resultado/ Próximo jogo

Com a vitória assumimos a liderança geral do campeonato, com 2 pontos a mais que o Inter. No Grupo 2 estamos na terceira posição, com 9 pontos, mesma pontuação do Cruzeiro que nos supera nos critérios e um ponto a menos que o Santa Cruz.

Nossa próxima partida é contra o Juventude no estádio Alfredo Jaconi em Caxias do Sul. O jogo que é atrasado será nessa quarta-feira, dia 30/03, às 20h. Caso o Grêmio venha a vencer e o Santa Cruz não vença seu jogo poderemos assumir a primeira colocação no Grupo 2 já na próxima rodada.




Vídeo:


0 comentários:

Postar um comentário

Web Page Traffic Counters

Visitantes desde 26/11/2011