20/11/2011

BR'11: De férias, Grêmio é derrotado novamente em casa

Como de costume, o Grêmio não tem mais nada o que fazer no Campeonato Brasileiro. A derrota diante do Ceará em pleno Olímpico deixa claro que ninguém esta preocupado com o time, mas tão somente em acabar de vez com o ano de insucessos. Temos o Gre-Nal pela frente como único jogo importante, já que é a chance de acabar com a festa dos rivais, vamos jogar "elenco" gremista.


Primeiro tempo

Foto: Terra Esportes
De um lado faltava motivação do outro qualidade. Por isso Grêmio e Ceará passou longe de ser um jogo empolgante. Poucas chances ocorreram. Os visitantes tinham em Osvaldo a principal arma. O atacante criou dificuldades para os defensores gremistas. Aos 12, após cobrança de escanteio, Heleno perdeu.

Pelo Grêmio, Leandro foi o atleta que mais perigo causou ao gol do oponente, o jogador dividiu bola com Fernando Henrique, puxou contra-ataque desperdiçado por Douglas e mostrou que se algo poderia ser feito pelos locais partiria de seus pés. A 28 minutos, Osvaldo se destacou entre todos, o atacante se livrou de dois marcadores e rolou para Felipe Azevedo, sem marcação o jogador deslocou Victor e abriu o placar.

Mas a alegria do Ceará durou pouco. A celebração parou 9 minutos depois. André Lima recebeu de Douglas e devolveu de primeira para o meia, que chutou cruzado e empatou a partida. O lance significou o fim das atividades no primeiro tempo, encerrado com empate em 1 a 1.


Segundo tempo

Foto: Terra Esportes
Logo no início da segunda etapa, Rafael Marques derrubou Thiago Humberto dentro da área: pênalti para o Ceará. Felipe Azevedo bateu, fez seu segundo e do time cearense na partida. Não bastasse os dois gols, Felipe Azevedo ainda fez mais um. Aos 12 minutos ele entrou sozinho, chutou, Victor defendeu e na segunda oportunidade o jogador colocou na rede, definindo o jogo. Osvaldo ainda quase fez um golaço, o Grêmio tentou pressionar.

No último minuto, Miralles recebeu lançamento de Marquinhos, tentou driblar um marcador, que tocou com a mão na bola. Pênalti, que o próprio Miralles bateu e errou, aumentando a pressão, as vaias, e as críticas para o time e Celso Roth. Em determinado momento, a cada passe certo do Ceará, "Olé" era o som que vinha da arquibancada.

Ao fim do jogo, vaias e "adeus Celso Roth" foram os gritos da torcida, sensatez que ainda não chegou ao Imperador Paulo Odone, que acredita veementemente que o técnico deve ficar em 2012, contaminando o possível bom time que será montado na temporada que está por vir.



FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 x 3 CEARÁ

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 19 de novembro de 2011, sábado
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca (Fifa-RJ)
Assistentes: Jackson Massara dos Santos (CBF-RJ) e Marcelo Braz Mariano (CBF-RJ)
Cartões Amarelos: Rafael Marques, Saimon e Fernando (Grêmio); Juca e Eusébio (Ceará)
Gols:
GRÊMIO: Douglas, aos 37 minutos do primeiro tempo.
CEARÁ: Felipe Azevedo, aos 12 minutos do primeiro tempo, aos quatro e aos 29 minutos do segundo tempo.
GRÊMIO: Victor; Mário Fernandes, Rafael Marques, Saimon (Vilson) e Julio Cesar; Fernando, Adilson (William Magrão), Douglas, Marquinhos e Leandro; André Lima (Miralles)
Técnico: Celso Roth
CEARÁ: Fernando Henrique; Heleno, Thiago Matias, Daniel Marques e Eusébio; João Marcos, Juca, Michel e Thiago Humberto (Leandro Chaves); Felipe Azevedo (Paulinho) e Osvaldo (Washington)
Técnico: Dimas Filgueiras


Resultado\ Próximo jogo

Com o resultado, o Grêmio chegou ao quarto jogo sem vitória com 47 pontos. Nosso próximo contronto é dia 26 de novambro diante do Atlético-GO em casa, precisamos de poucos pontos para confirmar matematicamente nossa vaga na Sul-Americana 2012.



Vídeo:




0 comentários:

Postar um comentário

Web Page Traffic Counters

Visitantes desde 26/11/2011