04/10/2010

BR'10: Que coisa não?


Mas que coisa anomaliaca se tornou o Grêmio nesse campeonato. O Imortal, de uns jogos para cá, tornou-se um verdadeiro monstro dentro e fora do Olímpico. Todos queriam um time forte dentro e fora de casa, mas isso chega até a ser assustador. Viva a IMORTALIDADE!


Primeiro tempo

O Grêmio começou mal, nada mais compreensível de um time completamente desentrosado e desfalcado. O Vitória assustava, mas lhe faltava qualidade. No estádio baiano não poderia ser diferente, palco de tantas tristezas, destacada a goleada sofrida em 2008 que afastou o Tricolor do título nacional.

O Tricolor fugiu de tomar o gol muitas vezes durante a partida, pois os jogadores baianos chegavam a dominar a bola na cara o gol, mas não conseguiam completar. Grande tarde dos zagueiros por sinal, tirando dos pés adversários ou sendo o obstáculo entre o gol e a bola.

Foto: Terra Esportes
O Vitória era superior e empurrava o Grêmio para o campo de defesa, que mesmo assim tentava contra golpes. Aos 20 minutos um erro mortal custou à derrota aos baianos. Wallace tentou tirar a bola do campo de defesa, mas Roberson se intrometeu e a redonda caiu nos pés de Maylson que chutou para o gol. Vitória 0X1 Grêmio.

O Rubro-negro baiano melhorou depois do gol e obrigou Victor a várias grandes defesas ao longo do primeiro tempo. A falta de Douglas foi nitidamente sentida durante o jogo e, recém no primeiro tempo, os gremistas não viam a hora do fim do jogo chegar.


Segundo tempo

No segundo tempo o Vitória continuou atacando com perigo, mas sem efetividade. Jonas passou quase o jogo tentando fazer tudo sozinho, quase botando tudo a perder, aliás esse é o grande defeito do jogador de vaidade nitidamente exposta.

Foto: Terra Esportes
A partida parecia uma pelada, sem qualidade, com um time que não queria jogar, já que tinha o resultado na mão, e outro que pecava a cada toque pela pouca qualidade que tinha. Não era uma apresentação de gala do Imortal, mas o resultado estava sendo excelente.

Aos 23 minutos, Henrique chutou, mas Gabriel evitou o gol, lateral de muita qualidade esse do Grêmio. Aos 26, Thiago chutou e Victor deu rebote, todavia, repetindo a atuação do restante do time mandante, jogador baiano finalizou errado.


Quando já não aguentávamos mais esperar o jogo acabar, nos acréscimos, aconteceu o inacreditável. Quando parecia que o Vitória iria empatar foi que o Grêmio surpreendeu, Jonas chutou contra o gol adversário e, no rebote, Diego Clementino, de novo, mandou para o gol.Vitória 0X2 Grêmio. Logo depois, nos acréscimos, Edílson chutou uma bomba direto para as redes. Vitória 0X3 Grêmio.



FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 0 x 3 GRÊMIO
Local: Estádio do Barradão, em Salvador-BA
Público: 10.998 pagantes
Renda: R$ 138.975,00
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá-RJ
Assistentes: Luiz A. Muniz de Oliveira-RJ e Arnaldo Rodrigues de Souza-CE
Cartões amarelos: Ricardo Conceição (Vitória). Lúcio, Victor e Ozéia (Grêmio)
Gol: Maylson, aos 20’/1T, Diego Clementino, aos 45'/2T e Edilson, aos 47'/2T
VitóriaLee; Ricardo Conceição, Wallace, Thiago Martinelli e Egídio; Vanderson (Kleber Pereira), Bida, Ramon (Schwenck) e Elkeson; Henrique e Júnior (Thiago Humberto).
Técnico: Ricardo Silva
GrêmioVictor; Gabriel, Ozéia, Neuton e Fábio Santos; Saimon (Edilson), Fernando (William Magrão), Maylson (Diego Clementino) e Lúcio; Jonas e Roberson.
Técnico: Renato Gaúcho


Resultado

Com o resultado de sábado, chegamos a 8ª colocação com 39 pontos. Estamos a 9 pontos (três vitórias) da Libertadores e a 13 do Z4.

Em caso de vitória contra o Prudente, o Grêmio pode chegar a 42 pontos na 6ª colocação.


Próximo Jogo

Nosso próximo combate será quarta-feira, dia 6 de outubro, às 19h30min. O jogo será realizado no estádio Olímpico Monumental em Porto Alegre.


Vídeo:


0 comentários:

Postar um comentário

Web Page Traffic Counters

Visitantes desde 26/11/2011