15/12/2011

Koff não pretende voltar a Presidência, mas pede mudanças


Fábio Koff vai deixar a presidência do Clube dos 13 antes do fim de seu mandato, alguns poderão acreditar que está associado a sua volta para o cargo máximo do Grêmio, todavia o Presidente dos maiores anos da história do clube, 83 e 95, não pretende retornar.

- É minha vontade. Acho que já dei bastante ao Grêmio, que me devolveu mais do que eu poderia dar. É hora de eu usufruir outras coisas e sofrer de longe – disse ele, em entrevista para a Rádio Gaúcha.


Para o importante gremista, voltar para mais um cargo estressante na presidência não seria um prazer, mas um sacrifício. Mesmo fora, Koff pede uma "operação profunda" no clube.

- Não sou candidato. Se eu fosse, não seria agora. Mas tenho tempo agora para me preocupar com os problemas do Grêmio. Talvez eu possa contribuir. Acho que o Grêmio carece de uma operação profunda no seu conceito de administração, gerenciamento. Tem que diminuir o poder central.

0 comentários:

Postar um comentário

Web Page Traffic Counters

Visitantes desde 26/11/2011